O carboidrato é a principal fonte de energia nos alimentos, é uma espécie de açúcar encontrado em frutas (frutoses), Leite (Lactose), vegetais (Amido), também pode ser  produzido durante a digestão (Maltose), em vegetais que não sofrem modificações na digestão (Celulose), e na transformação imediata de energia nos músculos e fígado (Glicogênio).

Eles se dividem em simples e complexos: Os simples são facilmente digeridos aumentando assim o nível de glicose no sangue, queimados rapidamente como energia, são  proveniente basicamente de frutas, leites, vegetais e a maltose. Os completos possuem estrutura química maior e são lentamente digeridos, aumentando aos poucos a glicemia, é o caso das massas, batatas, arroz,pão e fibras. O consumo diário de carboidratos deve ser em torno de 55 a 75%  para quem faz ou não exercício físico. O excesso de glicose ou carboidrato, no entanto, também se transforma em gordura.

Como funciona a Dieta do Carboidrato

Os carboidratos são  a primeira fonte de energia gasta pelo corpo humano, em sua falta o corpo recorre a gordura armazenada e logo depois são as proteínas (músculos). Teoricamente na dieta de Carboidratos há a exclusão dessa fonte de energia  para que o corpo possa usar a taxa de gordura. Portanto, o carboidrato é trocado pelo consumo quase unicamente de proteínas, que aumentam a saciedade, e pequenas quantidades de gordura: por exemplo, carnes, queijos, etc.

A dieta surgiu por volta dos anos 60, hoje, porém há a inserção de carboidratos em pequenas quantidades ao longo da dieta. Principalmente de carboidratos complexos, que aumentam a saciedade e aumentam aos poucos o nível de glicemia.

Publicidade:

Os Benefícios

Em curto prazo a dieta do Carboidratos é duas vezes mais eficaz do que dietas ditas normais  com baixo teor calórico e gordura, ou seja , há uma perda de peso duas vezes superior à estas. Também apresenta uma queda nos níveis de colesterol  ruim, e benefícios sobre o colesterol bom, o chamado  HDL, além dos triglicerídeos, essenciais para um bom funcionamento cardiovascular. Não há limitação na quantidade dos alimentos permitidos a serem ingeridos, só sobre os restritos.  As proteínas são lentamente digeridas o que aumenta a sensação de saciedade. Percebeu-se também a diminuição de massa magra.

As dificuldades

Com o baixo consumo da principal fonte natural de energia, o corpo metaboliza gordura  para se transformar nela,  o que provoca a cetose sanguínea, uma contaminação prejudicial as células do corpo, inclusive cerebrais, a cetose pode provocar: náuseas , tontura, fadiga, mau hálito, desidratação, etc.

Também não comprovações a longo prazo, ou mais ou menos 12 meses,  de resultados superiores as dietas convencionais, na verdade, há um declínio cada vez maior nos resultados. A dieta do carboidrato também é pobre em fibras o que pode causar prisão de ventre. O aumento de proteína aumenta a gordura saturada e o colesterol ruim, também pode comprometer os rins.

Dieta do Carboidrato

Dieta do Carboidrato

Dieta de Carboidratos Semanal

Café da manhã
1º-  ½ papaia + 200ml de leite desnatado

2º- Chá-Mate e adoçante+1 pão integral.

3º-Salada de fruta (6 morangos+1/2 maçã) com linhaça

4º- 1 fatia de melão+ Um copo de Iogurte natural.

5º- Chá verde e adoçante +4 biscoitos integrais.
Lanche da manhã
1º-  200 ml de água de coco + 3 biscoitos integrais.

2º- Suco de laranja+ 2 bolachas integrais.

3º- 1 fatia de pão de milho+chá verde com adoçante

4º- 1 maçã.

5º-1 fatia de abacaxi+1 xic. de Chá mate.

Almoço
1º- 1 prato (sobremesa) de salada de alface + 1 col.(sopa) cenoura ralada + 1 peito de frango grelhado + 3 col. (sopa) de arroz integral;

2º- 1 prato (sobremesa) de salada de abobrinha + 4 rodelas de tomates  + 3 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé peixe grelhado;

3º-1 prato (sobremesa) de salada brócolis +5 rodelas de pepino + 1 filé de carne vermelha magra grelhada + 3 col. (sopa) de arroz integral;

4º-1 prato (sobremesa) de salada de rúcula+1 col. (sopa) de milho verde + 1 filé de atum grelhado + 3 col. (sopa) de arroz integral.

5º-1 prato (sobremesa) de salada aspargos+ 8 rodelas finas de pepino japonês + ½ cenoura ralada + filé de carne vermelha magra grelhada + 3 col. (sopa) de arroz integral.

Lanche da tarde

1º- 1 fatia de pão integral+200 ml Suco de laranja

2º – 200 ml Iogurte desnatado+2 biscoitos integrais

3º- 200 ml de salada de fruta com linhaça.

4º- 1 xic. de Chá verde+3 bolachas integrais

5º- 1 copo de Suco de melancia.

Jantar

1º-  1 prato (sobremesa) de salada verde+ 4 tomates cereja+1 col. (sopa) de cenoura ralada + 1 filé de carne vermelha magra grelhada + 3 col. (sopa) de arroz integral.

2º 1 prato (sobremesa) de salada verde e brócolis com azeite+ 1 filé de peixe grelhado + 3 col. (sopa) de arroz integral.

3º 2 fatias de pão integral com peito de peru com orégano+suco natural e adoçante.

4º-1 prato (sobremesa) de salada verde+5 fatias finas de tomates e azeite+ 1 filé de frango grelhado + 3 col. (sopa) de arroz integral.

5º- 1 prato macarrão integral+atum